sábado, setembro 29

PSD de Menezes

Fiquei surpreendido com a vitória de Luís Filipe Menezes. Isto porque penso Marques Mendes tinha melhores qualidades para liderar a oposição durante a ERA Sócrates do que o autarca do Norte.
Os militantes do PSD ganharam hoje um guerrilheiro que vai dar muitas dores de cabeça a Sócrates, mas não o suficiente para vencer as eleições em 2009. No que diz respeito aos simpatizantes do PSD penso que agora vão debandar e tenho a certeza que as próximas sondagens indicarão essa tendência a favor de Sócrates.
Os notáveis do PSD irão tentar queimar em lume brando o novo líder, esperar que ele perca as eleições em 2009 de preferência com a maioria absoluta do PS, para depois no segundo mandato de Sócrates atacar a liderança do PSD e partir para as legislativas seguintes para derrotar o PS. Isto tudo claro se o Sr. Sócrates entretanto não der tiros no pé.

E agora?

O autarca de Gaia ganhou as directas no PSD. Marques Mendes já reconheceu a derrota. E agora PSD? Não sabemos exactamente que PSD vamos ter já a partir de amanhã. A culpa é do autarca de Gaia que centrou a sua estratégia no ponto mais baixo do debate político, ou seja, discutiu as quotas ou impôs a discussão sobre as quotas de forma a não se expor do ponto de vista do debate político.
Assim sendo, o que conhecemos do homem de Gaia, é que quer disputar a rua com o Dr. Louçã e o Sr. Sousa e ainda com o Dr. Carvalho da Silva. Depois conhecemos o seu discurso populista e irresponsável sobre as grandes decisões orçamentais, onde quer uma coisa e o seu contrário.
Muito difícil vai ser a vida do Dr. Menezes, as elites não se vão reconhecer na sua liderança, e como a Dra. Paula Teixeira da Cruz afirmou pode ser o afastamento das elites do PSD, e os partidos não sobrevivem sem as elites, a quem alguns chamam barões. A campanha do autarca de Gaia foi também conduzida contra os barões do partido, sendo que a cereja no topo do bolo e a proposta para constituição das listas de deputados por cada distrital. Os militantes podem gostar, mas a qualidade vai com toda a certeza descer ainda mais.
O PSD não sabe para onde vai, mas as elites do PSD têm que parar para reflectir, porque se não reflectirem correm o risco de ficar sem partido, e o PSD faz falta à democracia portuguesa.
Vamos ver os próximos passos que podem ser decisivos para o partido.


sexta-feira, setembro 28

Santana Lopes versus José Mourinho versus SIC Notícias



Para quem não viu.

Escolhas


Hoje é o dia em que o PSD vai a votos. A campanha eleitoral decorreu da forma que todos fomos vendo ao longo das semanas, e esta afectou a imagem do PSD junto dos portugueses.
Menezes e Mendes deram um triste espectáculo mediático, que só pode trazer consequências a curto e médio prazo.
Hoje dia de votos, os militantes do PSD vão ter que escolher entre um candidato populista, perigoso, que não olha a meios para atingir os fins e um outro cinzento, sem carisma e sem energia, incapaz de trazer o PSD para níveis que o coloquem à beira do poder, embora se lhe reconheça mais responsabilidade. O primeiro é Menezes, o segundo Mendes.
Será que os militantes do PSD têm uma verdadeira escolha nestas eleições, ou antes pelo contrário vão escolher entre o mal menor?
Alguém conhece os programas, o que os divide, o que os aproxima, quem são as equipas dirigentes e que projecto têm para o país?
Da falta de debate se podem queixar os eleitores que hoje vão exercer o seu direito de voto, por isso ao votarem estão entre um cheque em branco (Menezes) e um valor capaz de levar o PSD até às próximas directas (que podem ser antes ou depois das próximas legislativas de 2009).
Triste fim para um partido com a dimensão e a ambição do PSD. O país necessita de uma alternativa de poder, não que eu a deseje, mas Portugal merece que sejam colocadas em confronto alternativas de governo para que a escolha eleitoral de 2009 seja de facto uma escolha.

Há dias assim

Hoje, é um daqueles dias difíceis para mim. Como eu gostava que este dia não existisse. Perder um colega de trabalho de quase 20 anos é um sentimento de pena muito pesado. Claro que vou perder um colega, não vou perder o amigo de muitas jornadas, porque este vai continuar a fazer parte da minha vida: no BENFICA, nas CORRIDAS, nos JANTARES, no BLOG, etc.
Segunda-Feira, quando me sentar para almoçar, e verificar que o seu lugar favorito vai ser ocupado por outra pessoa vai acentuar o meu sentimento de pena.
A vida é mesmo assim, mas nunca estamos preparados para enfrentar a realidade. Hoje vai ser um dia complicado, mas a vida contínua e acima de tudo ficou uma grande amizade.
Não me vou cruzar mais com o Tio Portugal na empresa, mas de certeza que me vou cruzar com ele nos locais habituais, e só por saber isto posso continuar a sorrir.
Um grande abraço para o Tio Portugal e até já.

quinta-feira, setembro 27

Maringá

Aqui está o mapa do Brasil. A localização de Maringá está assinalada com um ponto verde (vai ter que ver o mapa com muita atenção). O que se passa de tão importante em Maringá?
De qualquer forma é relevante. 22 militantes numa cidade perdida no Sul do Brasil é obra.
Deixo aqui algumas indicações úteis para quem queira visitar a cidade de forma a poder comprovar a importância do PSD além fronteiras.

Critérios: Cada um tem os seus

O Ricardo Costa tem os seus critérios, corre o risco de convidar pessoas que tenham outros critérios e que, não queiram estar sujeitos aos seus. Foi o que aconteceu ontem.
Qualquer dia estamos a ouvir o Sr. PR e alguém se lembra que é mais importante noticiar que José Mourinho já tem clube. Tudo isto não faz sentido nenhum, e é pena que para a SIC faça.

Pedro Santana Lopes

Reconheço que não gosto de Santana Lopes. Não gosto do estilo, da substância e do conteúdo, mas ontem, na SIC-Notícias, Pedro Santana Lopes teve um gesto de grande dignidade: abandonou o estúdio durante uma entrevista, porque esta foi interrompida para ser dado um directo sobre a chegada ao aeroporto da Portela de José Mourinho.
Quais podem ser os critérios jornalísticos em que um assunto de relevância para o país (eleições directas no PSD) não é mais importante que a chegada de José Mourinho?
Qual é critério jornalístico em que uma entrevista com um ex. primeiro-ministro é menos relevante que um treinador de futebol?
Está tudo maluco, a começar pela SIC-Notícias. O país merece mais e melhor informação. O caso de ontem faz-nos meditar sobre a informação que temos e sobre os critérios editoriais dos "media" portugueses.

quarta-feira, setembro 26

Saudações

O Open Mind saúda a chegada de mais um membro: G.Rolfe. O Open fica mais Open e, vão ver ao longo do tempo, que a qualidade vai subir. Eu pela minha parte já espero o próximo post.

Cinema Japonês – A (re) descoberta

Numa das minhas habituais deambulações consumistas pelas lojas de CDs e DVDs, deparei-me recentemente com dois packs de 2 filmes de conhecidos cineastas japoneses dos Anos 50: Yasujiro Ozu (1903-1963) e Kenji Mizoguchi (1898-1956). Prometi a mim próprio comprar um dos conjuntos para melhorar a minha colecção e sobretudo os meus conhecimentos sobre o assunto.

Chegando a casa refastelei-me no sofá e pus no leitor de DVD um título comprado on-line no ano passado e que fez as minhas delícias (embora na altura pensasse o oposto…) algures em 1996 numa sessão nocturna da Cinemateca Portuguesa. O título em causa, que recomendo ao adepto curioso, é “Otoshiana” que, claro está, significa “Ratoeira” em Português e que foi convenientemente traduzido para Inglês como “Pitfall”. O seu ano é 1962 e o seu realizador é Hiroshi Teshigahara (1927-2001).

Isto fez-me pensar no que eu conhecia do cinema japonês até aos Anos 90: muito pouco. Sendo adepto de filmes de terror, conheço - como vós, certamente – “O Aviso” (Ringu, 1998, de Hideo Nakata), Ju-on” (2000, de Takashi Shimizu) ou “Uma Chamada Perdida” (Chakushin Ari, 2003, de Takashi Miike). Como vós conheço também a longa saga do “Gojira” (ou Godzilla) que se estende desde os Anos 50…até hoje. E até já ouvi falar no “Onibaba” (1964, de Kaneto Shindô), que parece ser um clássico do género.

Mais ainda: corrijam-me (e por favor informem-me!) se estou enganado mas não é muito habitual ouvirmos falar de iniciativas de divulgação do cinema japonês. Quanto a mim, vou procurar pôr os meus conhecimentos em dia e aconselho-vos a fazer o mesmo…

Caso Esmeralda

Este é mais um caso que a justiça portuguesa aplica a lei em nome dos CRESCIDOS.
Todos sabemos que de acordo com a lei o Pai biológico tem direito à filha. No entanto neste caso parece que os superiores interesses da criança não são tidos em conta. No entanto os Srs. Juízes dormirão descansados e o tribunal dirá foi feita justiça de acordo com a lei em vigor.

O que irá acontecer é que num país em que cada vez à menor natalidade se deveria proteger as crianças que nascem e que tem um lar feliz com pais que os amam. Neste caso o aconteceu é que ao fim de 5 anos uma criança que vê o entrar no seu mundo uma pessoa estranha mesmo que seja o seu pai biológico e irá ficar marcada psicologicamente para toda a vida, para além de ter de ir viver com esse estranho.
Eu espero que esta criança consiga se recompor e que daqui alguns anos, não estejamos todos a lamentar-nos da decisão ontem tomada pelo tribunal da relação.
Pessoalmente penso que vai ser um fracasso, espero estar enganado.

À atenção da FENPROF

Os alunos, e pelos vistos os professores mais novos, continuam a ser prejudicados com uma carga horária excessiva.
Este deve ser um assunto a merecer a máxima atenção da FENPROF. Aguardemos pelas desculpas que vão apresentar.

A Democracia

Não, esta frase não é do autarca de Gaia. Esta frase é de um brigadeiro-general David Sigauke, do exército do Zimbabué. Trocando por miúdos, o que o Sr. general quis dizer é o seguinte: as próximas eleições no Zimbabué, que se vão realizar em 2008, só podem ser ganhas por Robert Mugabe. Se este não ganhar, então o exército fará um golpe de estado e colocará as coisas no devido lugar. Assim é que é, se não for de uma maneira será da outra. Para que não existam dúvidas.

Dá sempre jeito ter um Vasco Graça Moura por perto

"Marques Mendes inspira-se na firmeza de Sá Carneiro, no saber de experiências feito e no rigor de Cavaco Silva, na versatilidade de Marcelo e na destreza política de Durão Barroso."
...
"O PSD voltou a ser um partido com credibilidade institucional e política. O descrédito do Governo e do PS tornou-se óbvio. O eleitorado já começou a compreender que Marques Mendes tinha razão e porquê. E vai haver mais ranger de dentes socialistas com a moção de estratégia que ele acaba de apresentar."
Nunca vi uma quantidade de elogios tão grande por metro quadrado. Fico à espera de saber quem é o Sr. que se segue, porque o que está transcrito cheira a elogio político fúnebre.
Podem ler o restante artigo aqui.

O que eles dizem uns dos outros

"O meu adversário, que tanto usa a palavra credibilidade, demonstrou ao longo dos dois últimos meses que não tem estatura política e principalmente ética para continuar a liderar o PSD. Comportou-se como um pequeno tirano, recusou todas as regras", disse o autarca de Gaia sobre o Dr. Mendes.
"Tenho uma carreira que toda a gente conhece e não gosto de fazer auto-elogios públicos mas não são palavras de quem não tem conhecimento nem categoria para avaliar a minha condição de jurista que a vão manchar", afirmou o Dr. Guilherme Silva referindo-se ao autarca de Gaia.
"As legítimas aspirações de cada militante não podem assumir-se à custa da imagem e do bom nome do partido", afirmou o Dr. Mendes sobre o autarca de Gaia.
Digo eu, isto ainda vai parar tudo a tribunal!

terça-feira, setembro 25

Quem disse?

"O PSD é um património que está muito para além destes senhores e quem quer exercer funções de liderança no partido tem que perceber isto",
"Considero que nenhum deles tem condições para liderar o partido".
Mais uma vez, não foi eu que escrevi, mas posso assinar. Pode ver aqui quem disse.

Importa-se de repetir?

"Algo está muito mal no PSD quando a questão fundamental da campanha eleitoral é o pagamento das quotas".
Desta vez não sou eu que o diz, mas podia assinar por baixo. Para saber quem o diz, basta carregar aqui.

Quem é ele?

"...ele representa bem um partido clientelar e provinciano, que hoje é o essencial do PSD que ainda resiste no poder autárquico com sucesso. Como o seu poder vem desse establishment partidário interno, ele precisa de dar-lhes um retorno para manter os seus votos. Mil e uma voltas pelo circuito da "carne assada" atestam essa dependência."

Quem é ele, e quem escreve sobre ele.

Every Breath You Take - The Police



Para quem não esteve no Restelo, hoje é o dia de os verem no Jamor.

Aung San Suu Kyi

Aung San Suu Kyi foi prémio Nobel da Paz em 1991, está reclusa em casa à 4 anos e passou a maior parte dos últimos 18 anos privada de LIBERDADE, ganhou as eleições na Birmânia em 1990 com a sua Liga Nacional para a Democracia mas os generais no poder nunca reconheceram a sua vitória.
Os monges desceram à rua e lideram o povo em manifestações sucessivas lutando contra o aumento dos preços dos combustíveis e dos transportes públicos decretados pelo governo dos generais.
Este é apenas um pretexto para uma luta mais vasta pela DEMOCRACIA e pela LIBERDADE. O governo chinês é o mais forte apoio da ditadura. Amor com amor se paga.

O que divide os candidatos do PSD?

segunda-feira, setembro 24

Certificados anti-fascistas

Ficamos todos a saber pelo Expresso que o número de beneficiários de pensões atribuídas pelo Estado a cidadãos que se empenharam na luta antifascista é de 88. Fraca colheita, mas depois percebemos que este facto se deve ao facto da PGR utilizar as actas dos tribunais plenários para atribuir a respectiva pensão aos requerentes.
Como diz, e bem, Medeiros Ferreira, A EX- PIDE passa os certificados anti-fascistas!
Estamos perante uma vergonha, que é urgente por fim para bem do país e acima de tudo para bem de todos aqueles que combateram o antigo regime em condições adversas.

Ó pai, pai, ó pai...

O problema das quotas e sobre quem as paga é o grande debate no PSD. A construção de uma alternativa fica em suspenso até, pelo menos 2011.
Há militantes do PSD a pagar as quotas de outros militantes, isto tudo numa luta desenfreada para ver quem tem mais votos no dia 28 de Setembro.
Pode o Governo e o PS ficar descansados, a grande luta não será 2009 mas um pouco mais à frente no calendário.

Pagamentos de Última Hora no PSD

Não consigo entender qual é o problema de uma mesma pessoa pagar as quotas de Militantes do PSD. A meu ver é só benefícios, entra dinheiro para o partido, será um incentivo aos militantes irem a votos e para estes continuarem a pagar as quotas.
Ah vão dizer que é um meio de pressão para se votar num determinado candidato e isso não é justo. No momento de votar o benfeitor não sabe se a sua boa acção teve efeito ou não.
Meus senhores o acto de votar é individual e secreto e quanto mais pessoas forem votar é um sinal que a democracia funciona.
Esses militantes que não o pagaram as quotas é porque não tem um pai rico, nem lhes saiu a lotaria e foram ao Bes……., Não, foram aos amigos do Tio Menezes.
Os que tem as quotas em dia Votem e votem no melhor candidato para dar luta ao Sócrates até 2009.

sexta-feira, setembro 21

Dia Mundial da Pessoa com Doença de Alzheimer

Para não esquecer. Hoje comemora-se o Dia Mundial da Pessoa com Doença de Alzheimer. As notícias que nos vão chegando sobre este doença são cada vez mais assustadoras. Existem alguns economistas e sociólogos americanos que têm defendido que os sistemas de saúde vão implodir como consequência da forma rápida como esta doença está a atingir milhões de pessoas em todo o mundo. Em Portugal a situação não é diferente. Não existe cura para esta doença, mas detectada a tempo pode-se tornar mais lenta a sua evolução.

quinta-feira, setembro 20

quarta-feira, setembro 19

Probleminhas Ecológicos à Dimensão de Portugal

Entre ontem e hoje tivemos dois probleminhas à nossa dimensão. O primeiro a greve alargada dos trabalhadores da ValorSul, o segundo o pequeno derrame de 5000 litros de combustível de um camião cisterna no aeroporto da Portela.

No primeiro, eu não ponho em causa o direito è Greve, o que ponho em causa é o esquema de greve anunciada às prestações. Primeiro anunciam um período de greve até às 8.00H de quarta-feira depois decidem alargar mais 32 Horas. Não Há respeito.
Parece que os Srs. sindicalistas não tem a noção do impacto na saúde publica a não recolha do lixo sem um pré aviso alargado. Isto para que as pessoas com sentido cívico, possam tomar algumas medidas de contenção e só despejar os seus lixos a quando do reinicio da recolha.
Para além disso quais foram os serviços mínimos? Parece que nenhuns, o que também me parece inaceitável. Os serviços mínimos existem na lei e são para se cumprir.

O segundo probleminha é o derrame no aeroporto de Lisboa.
Ó senhores do aeroporto só derramaram 5000 litros de combustível?! Isso nem pode ser considerado um pequeno desastre ecológico. Segundo a protecção civil o Rio Tejo limpou tudo num instante e os esgotos estão também "limpinhos do combustível".

Portugueses pensem em grande e façam grandes acontecimentos, porque assim não conseguimos ser noticia substituir a única noticia importante para os Srs. Jornalistas em Portugal nos últimos meses, a História dos McCann.
Esta história de tanto aparecer já enjoa e parece que em Portugal não existem outros problemas maiores e mais importantes para resolvere discutir.


Acordem porque a silly season já acabou ou será que é o ano todo?

Directas no PSD

Assistimos ontem na SIC Notícias a um debate entre o Dr. Mendes e o autarca de Gaia. Nada de novo foi acrescentado. Um tentou mostrar que o outro era um "cata-vento", o outro apostou tudo em mostrar que o actual líder é incapaz de fazer oposição. Felizmente que o problema das quotas não foi discutido.
O autarca de Gaia quer tudo: redução da Despesa Pública e apoio à luta dos Funcionários Públicos, ou seja, o melhor de dois mundos. O Dr. Mendes ensaia o discurso dos liberais e pede a discussão das novas funções do Estado, mas não concretiza nenhuma ideia à volta do tema.
O Dr. Mendes pede redução de impostos, mesmo quando o único que o que o faz é o Dr. Frasquilho que como sabemos é deputado escolhido numa noite de nevoeiro. O autarca de Gaia acusa o Dr. Mendes de não respeitar o grupo parlamentar e este acusa-o de fazer assinar documentos de renúncia em branco aos autarcas eleitos em Gaia.
O autarca de Gaia (realista) diz que o PSD não descola nas sondagens, o Dr. Mendes informa o país que está no bom caminho e que o PS já não tem maioria absoluta nas sondagens (a última que eu conheço dá justamente maioria absoluta ao PS).
O Dr. Mendes traça um rumo e não se desvia do rumo traçado, o autarca de Gaia diz-nos que temos que ser flexíveis.
Fiquei esclarecido. Assim a oposição não vai longe.

terça-feira, setembro 18

Dez Escolas

Agora sim. Os Srs. da CONFAP (Confederação Nacional das Associações de Pais) descobriram 10 escolas com problemas no arranque do seu ano lectivo. Os problemas encontrados são: transporte de crianças, falta de auxiliares de acção educativa e falta de professores.
Esperemos que o Ministério e as Autarquias dêem resposta adequada a estas 10 escolas para que a CONFAP fique tranquila e que o ano lectivo possa prosseguir sem mais sobressaltos.

Médicos e Enfermeiros


Hoje é o das notícias espantosas. Agora, são mais duas corporações que estão contra o governo, pois este pretende instituir até final do ano o sistema biométrico de controlo da assiduidade e pontualidade em todas as unidades hospitalares.
O Sr. Bastonário da Ordem dos Médicos é contra o mesmo sucedendo com a Ordem dos Enfermeiros.
Qualquer tentativa de controlar horários ao nível da saúde é um problema. Porque será?
A resposta deve ser encontrada no total descontrole em termos de assiduidade nos locais de trabalho que favorece a forma como os médicos e enfermeiros podem estar no sistema público e privado quase ao mesmo tempo.
Eu gostava de saber se todos os médicos que estão de serviço em qualquer hospital público estão de facto de serviço ou apenas constam como estando de serviço.

David contra golias

Hoje vamos ter mais uma noite europeia à moda antiga (Milan- S.L. e Benfica). Lá vamos nós ligar as nossas TV´s na RTP1 às 19.45H e puxar e sofrer pelo nosso Benfica.
Força rapazes, acreditem e mostrem a vossas virtuosidade para essa Europa dos milhões. A nossa equipa mesmo desfalcada pode e deve lutar até à exaustão. Provem que são capazes de honrar essa camisola como “papoilas saltitantes” e vamos surpreender.
Boa Sorte e Viva o BENFICA!!!!

Há dias assim


Grande golo de Rui Costa.

Código Processo Penal

Estou sem palavras, mas isto não me impede de tecer algumas considerações sobre a entrada em vigor do novo Código Processo Penal. Não sou jurista, mas sou cidadão, e como cidadão mereço ver os seus direitos defendidos. Uma coisa sei: os meus direitos são defendidos quando a justiça é célere, de outra forma eu sou claramente prejudicado nos meus direitos.
Este Código foi objecto de um grande consenso político (eu não sou grande adepto dos consensos, ao contrário do Sr. Presidente da Republica), e entrou em vigor no passado Sábado. Sobre isto não havia dúvidas., mas na passada Sexta-Feira parecia que o Código tinha sido discutido, aprovado e promulgado pelo Sr. Presidente na mais completa clandestinidade. Sexta-Feira entrou em curso aquilo a que eu chamo o PREC dos Juízes, das Forças de Segurança, da Procuradoria-Geral da Republica, de alguns advogados, de alguns juristas da praça e ainda dos trabalhadores da justiça. Foi lindo de se ver.
Alguns jornais, passaram a informar que alguns, se não todos, os criminosos seriam libertados, notícias que posteriormente se vieram a verificar sem qualquer fundamento.
Uma das causas do nosso subdesenvolvimento são os constantes atrasos na justiça. São as investigações que nunca mais acabam (algumas não acabam mesmo e outras acabam por ser mal conduzidas), são as acusações que demoram, são os julgamentos que nunca mais se iniciam e são os célebres recursos que demoram até verem a luz do dia.
Quando alguém diz: os prazos têm que ser mais curtos, temos que ser mais rápidos, devemos ser mais produtivos, então aí cai o carmo e a trindade por parte dos agentes da justiça.
Sobre tudo isto vale a pena ler Henrique Monteiro, e também o blog Câmara Corporativa.

segunda-feira, setembro 17

A semana europeia da mobilidade

A Semana Europeia da Mobilidade começou ontem. Consulte aqui todas as informações.

Alan Greenspan

O seu livro de memórias ainda não chegou às livrarias, mas já está a causar polémica.
Alan Greenspan escreve que a guerra contra o Iraque foi desencadeada não por causa das armas de destruição em massa, mas sim por causa do petróleo. Espero que com este pensamento, este homem que foi durante quase 20 anos Presidente da Reserva Federal, não passe a ser considerado um perigoso terrorista.
Para além do que disse sobre o Iraque, responsabilizou ainda o actual presidente americano pelo crescimento do défice e, elogiou Clinton pelo foco que colocou no crescimento de longo prazo.

Aquilino Ribeiro

Para que a memória não se apague

Para que não se apague da nossa memória. Por aqueles que lá morreram, pelos outros que ficaram para contar a história, por todos nós.

sábado, setembro 15

Ainda é cedo

De Maria José Nogueira Pinto a Carvalho da Silva começa a ser evidente que se tudo correr como o previsto o PS vai manter a maioria absoluta em 2009.
O que é curioso é que nenhum dos dois encontre votos positivos para a segunda maioria do PS em 2009, apenas se ficam pela falta de alternativa à direita e à esquerda.
Começo a pensar que tudo aquilo que tem sido feito pelo governo apenas tem um objectivo: enfraquecer as alternativas políticas da oposição.
Mas não é de isto que se trata? Não é governando que se reduz o espaço de manobra da oposição?

O que fazer?

Estamos à espera de quê para agir? Será que ainda podemos fazer algo contra a desertificação de algumas zonas do país? Um forte poder regional fará alguma diferença ou já nada pode parar esta dura realidade? Como é que o investimento público pode mudar esta realidade?
Estas são as perguntas, as respostas não serão tão fáceis, mas o debate e a urgência em encontrar soluções está a tardar.

Tolerância

«Estamos assim aqui por ocasião desta visita de Sua Santidade a dar um sinal da importância dos valores da tolerância e da concordância entre as múltiplas profissões de fé e que estes valores são fundamentais na construção das sociedade modernas mais justas e solidárias»
A quem se referia António Costa. Veja aqui.

sexta-feira, setembro 14

Cata-vento

O Dr. Mendes chamou cata-vento ao seu adversário interno e comparou-o com o primeiro-ministro na arte de mudar de opinião.
Mas o verdadeiro especialista na arte de mudar de opinião é mesmo o Dr. Mendes (a última foi a sua tirada sobre o seu grupo parlamentar).
Ao mesmo tempo que chamava cata-vento ao primeiro-ministro afirmava que o PS quer a sua derrota nas eleições internas do PSD, o mesmo equivalendo por dizer que desejava a vitória do Dr. Menezes.
Penso que ao estado em chegou o PSD qualquer adversário do PS em 2009 arrisca-se a ir para o caixote do lixo da história, porque a alternativa que está a ser construída não tem nenhuma credibilidade política.

quinta-feira, setembro 13

Direitos do homem


Scolari (II)

Mister Scolari deves ter levado à letra o meu post de ontem. Foi de tal maneira que o teu entusiasmo de seguir as pisadas da equipa amadora de rugby foi partir para a violência como o mau exemplo do Luso Argentino Juan Severino.
Você Cara acabou de prestar um mau serviço à nação e de ídolo dos Portugueses passa a ser um mal amado.
A minha expectativa é que se o teu castigo da UEFA for superior a 3 meses, deves fazer a mala e regressar ao Brasil para uma favela.

Chinatown em Lisboa?

Maria José Nogueira Pinto na edição de sábado do semanário Expresso afirmou que admitia «travar a proliferação das lojas chinesas» numa tentativa de deitar a mão ao pequeno comércio.
Pela minha parte, tenho tudo contra a criação de guetos, e pelos vistos não sou o único. Felizmente António Costa veio repor alguma luz sobre este assunto.

Scolari

O Sr. Luís Filipe Scolari ainda é o treinador da selecção nacional de futebol? Alguém me pode responder a esta pergunta? Talvez o Sr. Presidente da Federação Portuguesa de Futebol, mas só amanhã vai haver uma reunião da direcção.

quarta-feira, setembro 12

O Sr. Scolari é pugilista?

Não sei o que o jogador sérvio estava a dizer ao Sr. Scolari, apenas vi que o treinador brasileiro o agrediu.
Cenas finais lamentáveis de uma jogo para lamentar em que Portugal não jogou absolutamente nada.

12 anos de escolaridade obrigatória em 2009

Esta medida é extremamente positiva para o país, vamos a ver como é que o país responde a este desafio e acima de tudo o que o Estado vai fazer para concretizar este objectivo.

O que hoje é verdade, amanhã é mentira

O Dr. Mendes aplicou a célebre máxima do Sr. Pimenta Machado: O que hoje é verdade, amanhã é mentira.
Agora, perante um tumulto no seio do seu grupo parlamentar, tenta dar o dito por não dito, mas já vem tarde. O seu grupo parlamentar está ferido de morte e as relações com o líder do partido comprometidas.
O que leva um líder partidário a fazer uma afirmação como aquela que o Dr. Mendes fez?

Amadores e Profissionais

Portugal tem tido nos passados dias as suas selecções em acção. Eu como apreciador de desporto e como Português tenho muito orgulho nas nossas selecções e gosto de as ver em acção.

No entanto já à muito tempo não me emocionava tanto com o cantar do Hino nacional " A Portuguesa"como o que foi feito pela nossa equipa de rugby amadora que está na fase final de do campeonato do mundo. Esta equipa é que dá gosto de ver em termos de vontade e união como equipa. Viram a alegria do ensaio efectuado contra a Escócia? È digno de se ver e nos emocionarmos.

Os Srs. profissionais do Futebol sénior deveriam por os olhos na selecção de rugby e aprender o que é vontade e união e trabalho em equipa. Já agora saberem a letra do nosso hino nacional ficava-lhes bem.
Boa sorte para logo no jogo contra a Sérvia.
Força Portugal ……Tá legal!

CM Lisboa


Já passaram alguns dias sobre a tomada de posse da nova vereação da CM Lisboa. Alguém vê alguns sinais? Ainda temos uma vereação à procura de tomar o pulso à autarquia ou pelo contrário temos uma vereação que veio encontrar mais problemas do que aqueles que estava à espera?
Alguém me explica o que se está a passar? Ou não há explicação?
Já vai sendo tempo de vermos algumas medidas, sendo que aquela que diz respeito ao combate ao estacionamento em segunda fila tem todo o meu apoio, mas esperava mais.
Vou esperar mais um pouco e depois falamos.

Led Zeppelin - Whole Lotta Love

terça-feira, setembro 11

O Dr. Marques Mendes e o Grupo Parlamentar

O Dr. Mendes resolveu fazer um ataque ao seu Grupo Parlamentar, acusando-o de ter sido escolhido num dia de nevoeiro e por causa de esta escolha ser um grupo sem qualidade.
Não sei qual foi a resposta do GP do PSD, mas com toda a certeza ficaram muito lisonjeados com as palavras do seu líder.
O Dr. Mendes ainda vai ter mais dois anos (isto se ganhar as directas) com este GP. Como vão ser as relações com a sua bancada até ao final do mandato?

Faz hoje anos

Hoje passa mais um aniversário sobre a barbárie. Hoje todos somos Americanos e sobretudo hoje somos todos de Nova Iorque.

Lutas de Editores e Livraria Bertrand

Num país em que o nível de aquisição de livros e de leitura é baixo é com espanto que vejo a Livraria Bertrand a impor regras duras na devolução dos livros aos editores. Estes senhores parecem que não sabem em que mercado está e querem reduzir o custo de stocks de livros não vendidos (obsoletos) a zero. Deviam era preocupar-se em promover o livro e a leitura para fazer crescer as vendas e leitores e por sua vez os lucros.
A Livraria Bertrand esquece-se que o mercado é aberto e existem mais sítios para comprar livros como a Fnac e Hipermercados. Abram os olhos porque as medidas que tomaram tem benefícios a custo prazo mas no longo prazo os leitores irão como eu às lojas Fnac ou outra livraria que não a Bertrand.
Se quiserem ver esta novela mais em detalhe, consultem o artigo do DN de hoje com o título "Bertrand em risco de perder grandes editoras".

segunda-feira, setembro 10

As questões não respondidas

O Dr. Mendes está em plena campanha, bem assim como o autarca de Gaia, para a liderança do PSD. Estamos na fase do vale tudo. A sondagem que saiu hoje no Correio da Manhã é clara: "...56,4 por cento dos inquiridos considerar que a corrida à liderança do PSD é uma campanha de ataques pessoais."
Apesar da sondagem, os ataques devem continuar porque quer um quer outro não fazem a mais pequena ideia do que é ter uma vaga ideia sobre Portugal.
Mas o Dr. Mendes poderia por responder a algumas questões para que fosse claro o seu pensamento:
1. Sobre a Câmara Municipal do Funchal qual é a sua opinião final?
2. Universidade Atlântica. Senhas de presença pagam salário ou presenças nas reuniões?
3. Impostos. Qual a sua opinião final: manutenção ou diminuição da taxa de IRC?
4. O que faria de diferente na Educação, na Saúde, na Economia, nas Finanças Públicas, do que está a ser feito por este governo?
Vá lá Dr. Mendes, é só um esforço.

A critica e a realidade

O que diz o Dr. Mendes:
O que diz a realidade:
Conclusão: O Dr. Mendes apesar de criticar o governo está de acordo com as medidas tomadas.

Resultados na educação

O primeiro-ministro avançou hoje com um conjunto positivo de resultados ao nível do ensino.
Eu sou pai, e os meus filhos andam na escola pública, e por isso posso falar de algo que começo a conhecer e que está em mudança.
Quando a minha filha mais velha chegou ao 1º ciclo, as aulas terminavam às 15.15H, hoje terminam às 17.30H. Ainda é pouco, mas já é um avanço. Este avanço teve que ser feito, em alguns casos, contra os professores. Hoje os professores passam mais tempo na escola em contacto com os seus alunos.
Quando a minha filha chegou ao 1º ciclo não havia aulas de inglês e outras que prolongam o horário até às 17.30H. Acham pouco? Eu acho muito, mas ainda não o suficiente.
Hoje temos aulas de substituição em vez de alunos deixados ao abandono no recreio das escolas. Esta medida fortemente contestada pelos professores é altamente apreciada pelos encarregados de educação. As aulas de substituição são uma mais-valia, algumas escolas e alguns professores tentam descredibilizar estas aulas, mas elas podem ser fundamentais para estabelecer um elo forte entre a escola e os alunos.
Alguém acha normal que existam escola sem um número mínimo de alunos e que todos os que existem estejam numa única sala? Eu não acho normal, porque esta política apenas favorecia o pleno emprego dos professores e colocava em causa a socialização das crianças e a sua própria aprendizagem. O fecho de escolas acaba por ser normal, face ao desajustamento demográfico.
Os professores do 1º ciclo em formação contínua nas áreas de português e matemática representam um número significativo, e este programa é essencial para a qualidade do ensino neste ciclo escolar. Este é um programa com reflexos a médio e longo prazo.
Para o ano lectivo de 2008-09 novas iniciativas estão previstas:
1. 100% das escolas do 1º ciclo com refeições;
2. Ensino de inglês a partir do primeiro ano de escolaridade.
Alguns erros foram cometidos pela equipa do ME? Claro que foram, mas no essencial a nota é positiva.
Os sindicatos não gostam de ver reduzido o quadro de professores, de verem aumentado o número de horas que devem permanecer na escola, serem avaliados e promovidos em função da sua avaliação do seu desempenho.

Estatísticas do Comércio Extracomunitário

Maddie


Aqui, aqui e aqui deixei a minha opinião sobre este caso, sendo que no meu último post pedia para deixar a polícia trabalhar. A verdade é que esta foi trabalhando e pelos vistos foi chegando a algumas conclusões.
A ser verdade, o que vem na comunicação social portuguesa, a polícia tem fortes indícios:
1. A criança não está desaparecida, está morta;
2. Que os pais da criança tiveram uma contribuição voluntária ou involuntária para a sua morte. E ocultaram o cadáver.
A justiça popular é coisa que abomino, e por isso todos são inocentes até prova em contrário, o mesmo é dizer, até que o tribunal os julguem e se esgote todos os recursos.
A grande onda de solidariedade que foi gerada pelo desaparecimento da criança, está agora transformada numa onda de indignação contra os pais, à medida que a comunicação social nos trás novos factos (não sabendo nós se estes são verdadeiros ou mera especulação jornalística).
Penso que uma e outra acabam por ser compreensíveis, pois estamos todos a lidar com sentimentos, e estes, pelo menos na nossa sociedade, estão quase sempre à flor da pele.
Ninguém compreende porque é que depois de serem confrontados com novos factos, os pais da criança resolvem voltar para casa em nome da estabilidade dos outros dois filhos. Só agora é que perceberam que os seus filhos precisam de estabilidade?
Depois vêm as críticas à polícia e à justiça portuguesa que partem dos pais da criança e têm eco nos media ingleses. Só agora, com a passagem a arguidos é que a polícia e a justiça merecem reparos?
Vamos deixar a justiça e a polícia trabalhar e esperar pelos resultados.

sábado, setembro 8

Bob Dylan - The Times they are A-changin' -1965



Este senhor tocou com os senhores anteriores.

The Band - The Night They Drove Old Dixie Down (Live) 1976



Uma das melhores bandas de sempre.

O que se passa?

Parece que as sondagens continuam a desmentir aquilo que alguns não vêm.

Notícias que não interessam nada

sexta-feira, setembro 7

Não aprendem nada

O Dr. Mendes não aprende. Só não sei se não aprende porque não quer ou porque não sabe. Volta novamente a falar na questão da fiscalização das campanhas internas dos partidos.
Se os órgãos competentes encontram alguma dificuldade em fiscalizar as contas dos partidos, como é que podemos acreditar que podem fiscalizar as contas de candidatos a líderes dos partidos?
No partido do Dr. Mendes ninguém sabe nada sobre o financiamento de uma campanha eleitoral por parte da Somague, o próprio Dr. Mendes ainda tem um caso para esclarecer sobre as senhas de presença na Universidade Atlântica, mas agora quer mais uma lei de controlo de custos das campanhas eleitorais internas dos partidos.
O Dr. Mendes só aceita uma debate com o autarca de Gaia, ou seja, debater não é com ele, isto se acreditarmos que destes debates sairá alguma coisa.
Por favor Dr. Mendes qual a suas propostas para o seu partido e para o país, isto é que todos queremos saber e ainda não sabemos nada.

quinta-feira, setembro 6

200 mil sócios

Houve alguém que pediu 100000 sócios. Estes números foram avançados pelo clube do Lumiar.
O GLORIOSO tem como objectivo chegar ao final desta época com 200000 sócios.
Manter o Benfica como o maior clube do mundo é o nosso objectivo. Se chegarmos ao fim da época à frente do campeonato, então este valor será muito fácil de atingir.
Um por todos e todos por um.

PSD

Não sou militante do PSD, mas como é notório tenho acompanhado a disputa interna neste grande partido da oposição. Sigo sempre a máxima: um governo forte precisa sempre de uma oposição igualmente forte.
Tenho vindo a escrever neste Blog sobre a fraca campanha dos dois candidatos: Menezes e Mendes.
A campanha tem sido fraca e incapaz de sair da pequena política: quotas; perseguições; SMS´s; etc. Mas agora não sou só eu que pensa que o PSD está a perder uma oportunidade de se constituir como uma alternativa séria aos olhos dos portugueses. O líder do PSD/Porto Agostinho Branquinho pensa o mesmo.
Espero que compreendam que só a elevação do debate político pode conduzir ao poder e não o contrário.

quarta-feira, setembro 5

Ernesto 'Che' Guevara

Um velho ex-agente da CIA tem em seu poder uma madeixa de cabelo de Ernesto 'Che' Guevara, bem assim como um conjunto de fotografias do seu corpo e ainda um mapa que foi utilizado para capturar o guerrilheiro em 1967.
Espera ganhar com o leilão que vai realizar 100000 dólares. Acho que está a ser pouco ambicioso. Este fim-de-semana vai haver uma Festa onde se pode arranjar uns dólares a mais. Uma madeixa de cabelo do Che vale mais do que do que 100000 dólares, e na Festa vão estar muitos camaradas dispostos a pagar qualquer coisa para ficarem com um bocadinho do Che.

Uma boa notícia

Esta é sem dúvida uma boa notícia.

Abandono Escolar

Este é um dos problemas mais complexos que a sociedade portuguesa enfrenta. O abandono escolar coloca Portugal em péssimas condições para enfrentar um crescimento económico sustentado pela vaga tecnológica. Apesar de todos os esforços, Portugal está a transformar-se num país em que a mão-de-obra é cada vez menos qualificada e portanto menos flexível em termos de procura de emprego.
Já devem ter sido produzido resmas de documentos em que o abandono escolar é tratado ao nível das suas causas, mas o importante é actuar sobre estas e não produzir relatórios sobre elas mesmo. São precisas soluções e não inventários.
Parece claro que temos que aumentar a qualidade da escola pública, aumentar os indicadores económicos e de bem-estar das famílias, evitar reformas do ensino sobre reformas, tornar a escola atractiva, impedir a indisciplina e acima de tudo produzir um ensino voltado para a realidade.

Concurso

"Agora, como vêem que há possibilidades de chegar ao Governo, já há adversários. Significa que estamos no bom caminho e que fizemos uma boa oposição"
De quem será esta frase:
a) Pinóquio
b) Jerónimo de Sousa
c) Francisco Louçã
d) Marques Mendes
Resposta aqui.

Só faltava esta

Pronto temos o ramalhete completo.

O Dr. Menezes e o porta a porta

A candidatura do Dr. Menezes anda a fazer porta a porta pelas casas dos militantes do PSD no sentido de apelar ao voto na sua candidatura oferecendo-se para pagar as quotas em atraso.
Se todos os militantes pagarem as quotas em atraso, talvez o PSD para as próximas eleições não precise de endossar facturas para pagamento a alguma empresa de construção civil.
Sobem de tom as acusações sobre as quotas, quando ao debate político é inexistente. Eles lá sabem.

Contratação de professores pelas Escolas

O governo publicou uma portaria em que sobre algumas condições as escolas podem contratar professores para fazer face a necessidades especiais.
Espero que de futuro seja possível a todas as escolas poderem contratar os professores de acordo com a sua autonomia de gestão.
O primeiro passo deve ser consolidar os quadros de professores de todas as escolas e depois dar o passo de gigante para a autonomia das escolas, sem medo e com as provas de selecção que estão previstas na Portaria que o governo tem em discussão pública sobre a admissão de professores.

segunda-feira, setembro 3

O Desemprego dos Professores

Já não é a primeira vez que abordo este assunto: o desemprego dos professores. Tenho a sensação que não será a última vez.
A Ministra da Educação disse o que de mais elementar há para dizer sobre este assunto, ou seja, que existe um desajustamento entre a oferta e a procura.
Este desajustamento foi provocado por um aumento dos cursos que dão acesso à carreira docente por um lado, e por outro pelo fraco crescimento demográfico. Assim sendo, tornava-se inevitável que o desemprego viesse a aumentar.
O que querem os sindicatos? Emprego para todos? Não me parece que este seja o caminho.

Estatuto da Carreira Docente

O governo tem preparado para discussão pública, que deverá ocorrer durante o mês de Setembro, a portaria que regulamenta o acesso à Carreira Docente dos educadores de infância e dos professores dos ensinos básicos e secundários.
O governo propõe que os novos professores sejam sujeitos a três exames que têm como objectivo demonstrar a capacidade dos novos docentes nas seguintes áreas:
1. Prova escrita de português, em que estão postas à prova o domínio da língua e a capacidade de raciocínio lógico necessário à resolução de problemas. Esta prova poderá ainda avaliar conhecimentos sobre o sistema educativo, e a capacidade de reflexão sobre a organização e o funcionamento da sala de aulas e da escola;
2. Prova escrita específica em função da área de conhecimento em que o objectivo é avaliar os conhecimentos de ordem científica e tecnológica;
3. Pode ainda vir a existir uma prova oral de forma a ser avaliada a capacidade de exposição, bem assim como o domínio das novas ferramentas tecnológicas.
Quem tiver menos que 14 valores numa das provas fica eliminado. Saúdo esta medida como forma de valorização da Escola Pública e de todos os profissionais que lá trabalham.
Este argumento é interessante e pode ser também aplicado aos alunos que sabem toda a matéria mas foram traídos pelos nervos.

Miccoli

Miccoli não esquece o Benfica e os benfiquistas não esquecem Miccoli. Ontem depois de ter marcado dois golos (dos quatro que o Palermo marcou) referiu-se ao Glorioso de uma forma que não deixa dúvidas: «Precisava de jogar com regularidade e na Juventus não o poderia fazer. Tive um grande orgulho em representar o clube mas depois tive a sorte de ir para o Benfica, um dos clubes mais gloriosos do Mundo e no qual fiz coisas maravilhosas».
Ontem à noite nos Barreiros começamos a jogar futebol e quando assim é não há problemas em ganhar 3-0 ao Nacional. Se não houver recaídas podemos esperar coisas boas do futebol do Benfica.


domingo, setembro 2

O Verão mais frio dos últimos 20 anos

Já adivinhava que este Verão não tinha corrido muito bem em tempos de clima, mas neste fim-de-semana confirmei que este tinha sido o Verão mais próximo de um Outono que há conhecimento nos últimos 20 anos.
Por isso tudo, as minhas férias que acabam hoje, não foram passadas ao Sol, porque este teimava em não ser muito generoso.
Para o ano há mais Verão, que espero seja mais próximo de um Verão normal do que de um Outono um pouco mais quente.
Bom regresso ao trabalho para todos aqueles que agora iniciam a sua actividade e resto de boas férias para os restantes.

Em que ficamos?

O Dr. Mendes continua a colocar-se em bicos dos pés, numa tentativa de se fazer notado, o que não é fácil.
O Dr. Catroga já o informou que ainda não há espaço para uma redução de impostos para o próximo ano mas o Dr. Mendes apesar de ter escolhido o Dr. Catroga para lhe redigir o seu programa de candidatura não lhe liga nenhuma.
Vamos ver como tudo isto acaba.

sábado, setembro 1

A justiça tarda mas vem

Os crimes que foram cometidos por este senhor são muitos e variados. A justiça chilena nunca fez o seu julgamento e este acabou por morrer sem cumprir um único dia de prisão.
Os Homens e as Mulheres do Chile que não perderam a memória lembram-se como foi difícil viver sem liberdade, democracia e ausência dos mais elementares direitos humanos.
Agora que este senhor já não faz parte do reino dos vivos, parece que a justiça chilena tem sobre julgamento um sacerdote católico por violações dos direitos humanos durante a ditadura do presidente Augusto Pinochet.
Mais vale tarde que nunca.